O presidente americano, Donald Trump, agradeceu à Rússia e à China pela ajuda nas discussões sobre o arsenal nuclear da Coreia do Norte, um dia depois da reunião de cúpula entre o líder norte-coreano Kim Jong Un e seu colega russo Vladimir Putin.

“Eu aprecio que a Rússia e a China nos ajudem”, disse Trump aos jornalistas na Casa Branca.

O presidente dos EUA disse ainda,  que não considera a China e a Rússia como rivais em uma luta para influenciar a Coreia do Norte.

“A China nos ajuda porque acho que é o que quer, não precisa de armas nucleares ao lado de seu país”, disse Trump. “Acho que estamos indo muito bem com a Coreia do Norte e muitos avanços estão sendo feitos”, acrescentou.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Presidente do TSE alerta sobre cuidados sanitários na campanha e pede debate sem ódio e sem mentiras

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, alertou …