O presidente Vladimir Putin emitiu uma controversa lei que visa criar uma “internet soberana” na Rússia, isolada dos grandes servidores do mundo. A lei foi denunciada pela oposição como uma forma de fortalecer o controle das autoridades sobre a rede.

A lei, publicada quarta-feira no portal oficial russo, prevê a sua entrada em vigor em novembro de 2019.

Oficialmente apresentada em nome da segurança de computadores, a lei deve permitir que sites russos operem sem servidores estrangeiros. Especificamente, planeja criar uma infra-estrutura para garantir o funcionamento dos recursos de internet russos se for impossível para os operadores russos se conectarem a servidores de internet fora do país.

Os provedores de serviços de Internet russos também precisarão garantir que suas redes tenham “meios técnicos” para permitir o “controle de tráfego centralizado” para combater possíveis ameaças. Esse controle passará notavelmente pela agência russa de monitoramento de mídia e telecomunicações (Roskomnadzor), muitas vezes acusada de bloquear arbitrariamente o conteúdo na web, e os serviços especiais russos (FSB).

A lei foi muito criticada porque é vista por muitos ativistas como uma tentativa de controlar o conteúdo, ou até mesmo isolar gradualmente a Internet russa em um contexto de crescente pressão por parte das autoridades.

Em uma declaração conjunta, eles denunciaram o texto que poderia levar a “bloqueios arbitrários”, “facilitar o controle do Estado” e um declínio no anonimato online. Várias manifestações contra a lei foram organizadas, uma das quais reuniu milhares de pessoas em Moscou, em março.

Nos últimos anos, as autoridades russas bloquearam conteúdo e sites relacionados à oposição, e também serviços que se recusaram a cooperar com eles, como a plataforma de vídeo Dailymotion, a rede social LinkedIn e o Telegram.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Jair Bolsonaro destina crédito suplementar de R$ 15 milhões para obra de adequação da BR-230 na Paraíba

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por meio do Ministério da Infraestrutura, desti…