A Assembleia Legislativa da Paraíba encerrou o terceiro mês desta legislatura com um aumento da produção de matérias de 157% em relação ao ano passado.

O ritmo intenso de trabalho na Casa contribuiu para que os deputados estaduais apresentassem 2.152 propostas no período que vai de 1º de fevereiro a 30 abril de 2019. O presidente do Poder Legislativo, Adriano Galdino (PSB), destacou que foi um recorde de produção legislativa, já que neste mesmo período, em 2018, os deputados produziram ao todo 835 propostas.

No ano passado foram apresentadas quatro medidas provisórias, dois projetos de Lei complementar, nenhum projeto de decreto legislativo, 10 projetos de resolução, nenhum recurso, 113 projetos de Lei ordinária, 35 indicações, 25 pedidos de sessões especiais e 349 requerimentos.  Já este ano, foram oito medidas provisórias, cinco projetos de Lei complementar, dois projeto de decreto legislativo, 33 projetos de resolução, cinco recursos, 351 projetos de Lei ordinária, 61 indicações, 56 pedidos de sessões especiais, 1.424 requerimentos, entre outras matérias.

Das 2.152 matérias apresentadas nos três primeiros meses da atual legislatura, 895 tramitaram nas comissões e foram aprovadas nas sessões deliberativas da Casa. Dentre elas, quatro medidas provisórias, um projeto de Lei complementar, um projeto de decreto legislativo, 11 projetos de resolução, dois recursos, 27 projetos de Lei ordinária, 27 indicações, 46 pedidos de audiências públicas e de sessões especiais, 775 requerimentos e votaram pela rejeição de um veto governamental.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Jair Bolsonaro destina crédito suplementar de R$ 15 milhões para obra de adequação da BR-230 na Paraíba

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por meio do Ministério da Infraestrutura, desti…