O presidente da Assembleia Legislativa Adriano Galdino (PSB) se mostrou solidário ao G10 e considerou desnecessárias as críticas do ex-governador, Ricardo Coutinho (PSB), ao tratamento dado pelo governador João Azevêdo (PSB) ao bloco dos 10 deputados.

Dentre diversas declarações, Ricardo apontou que se fosse o governador, o G10 não existiria. As declarações de Ricardo Coutinho foram dadas durante entrevista na cidade de Cajazeiras.

O presidente da ALPB, deputado Adriano Galdino, reagiu aos ataques do ex-governador ao grupo de deputados. “Foram declarações desnecessárias! O G10 é base, é governo, é 100% João”, disse o presidente Adriano.

Em entrevista concedida à rádio jovem pan de João Pessoa o presidente da ALPB deu a seguinte declaração ““Ricardo é o nosso maior líder político do PSB, tem uma história de muito trabalho para a Paraíba, mas eu acho que nesse momento toda fala tem que ter um objetivo: unir, juntar e agregar. E o G-10 é governo. A minha preocupação não só com Ricardo, mas com outras lideranças do partido, é que possam ter um discurso de união para dar continuidade ao projeto do PSB e a governabilidade de João” rechaçou o deputado.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Política
Comentários estão fechados.

Veja Também

ÁUDIO: Genivaldo Tembório intermedia doação de terrenos e deve virar alvo de representação por uso da maquina pública para fins eleitorais

O candidato a prefeito pela coligação ‘O trabalho continua’, Genivaldo Tembório (Cidadania…