O presidente da republica, Jair Bolsonaro, celebrou a assinatura do acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia, que estava em negociação há duas décadas. Pelo Twitter, Bolsonaro tratou o momento como “histórico”, e parabenizou os ministros Ernesto Araújo, Paulo Guedes e Tereza Cristina pelo empenho nas negociações.

“Nossa equipe, liderada pelo Embaixador Ernesto Araújo, acaba de fechar o Acordo Mercosul-UE, que vinha sendo negociado sem sucesso desde 1999”, afirmou o presidente. “Esse será um dos acordos comerciais mais importantes de todos os tempos e trará benefícios enormes para nossa economia”, escreveu o presidente.

Segundo o presidente, o acordo é benéfico por abrir o mercado europeu para os produtores brasileiros. De acordo com estimativas do Ministério da Economia, o acordo “representará um incremento do PIB brasileiro de US$ 87,5 bilhões de dólares em 15 anos, podendo chegar a US$ 125 bilhões de dólares“, considerando a redução das barreiras não-tarifárias e o aumento esperado na produtividade do país.

De acordo com a área econômica, o aumento de investimentos no Brasil, no mesmo período de 15 anos, será da ordem de US$ 113 bilhões por conta do acordo comercial. “Com relação ao comércio bilateral, as exportações brasileiras para a UE apresentarão quase US$ 100 bilhões de ganhos até 2035”, acrescentou.

Segundo o governo federal, produtos agrícolas “de grande interesse do Brasil”, com o início do tratado com a União Europeia, terão suas tarifas “eliminadas” – como suco de laranja, frutas e café solúvel.

“Os exportadores brasileiros obterão ampliação do acesso, por meio de quotas, para carnes, açúcar e etanol, entre outros. As empresas brasileiras serão beneficiadas com a eliminação de tarifas na exportação de 100% dos produtos industriais. Serão, desta forma, equalizadas as condições de concorrência com outros parceiros que já possuem acordos de livre comércio com a UE”, informou o Ministério da Economia.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Economia
Comentários estão fechados.

Veja Também

Presidente do PSOL protocola denúncia contra o deputado Walber Virgulino por homofobia

O presidente do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) na Paraíba, Tárcio Teixeira, protoco…