O julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) do Empreender PB foi novamente adiado nesta quinta-feira (18) em decorrência de um pedido de vista feito pela juíza Micheline Oliveira. A votação será retomada na próxima quinta-feira (25).

Segundo a desembargadora, o processo é complexo e tem uma grande quantidade do volume a ser analisado. Para ela, é preciso averiguar as provas produzidas para proferir julgamento com todos os elementos constando nos autos.

Na semana passada o juiz Antônio Carneiro havia pedido vista e no julgamento de hoje votou pela improcedência do pedido de inelegibilidade do ex-governador Ricardo Coutinho e da vice-governadora Lígia Feliciano.

 

Fonte 83

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

ÁUDIO: Genivaldo Tembório intermedia doação de terrenos e deve virar alvo de representação por uso da maquina pública para fins eleitorais

O candidato a prefeito pela coligação ‘O trabalho continua’, Genivaldo Tembório (Cidadania…