O deputado estadual Cabo Gilberto Silva voltou a criticar o veto total do governador João Azevêdo Lins Filho (PSB), ao Projeto de Lei nº 35/2019, que visava a blindagem de viaturas das forças de segurança da Paraíba. Para isso, o Estado teria um prazo de quatro anos para concluir o serviço, começando pelo para-brisa.

Segundo projeto de lei, as viaturas operacionais do órgão de segurança pública serão dotadas de blindagem balística para assegurar a proteção de seus ocupantes. Ainda segundo o Projeto de Lei, as viaturas que estiverem em uso serão adaptadas para a instalação da blindagem balística, de forma gradativa.

Para o deputado Cabo Gilberto Silva, a derrubada do veto trata-se de uma luta em respeito à vida daqueles que diariamente vão às ruas proteger a população.

“É uma tendência nacional a blindagem das viaturas, começando pelo para-brisas. O veto é um desrespeito, uma medida irresponsável por parte do governo”, completou o deputado.

Na volta dos trabalhos na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Cabo Gilberto, deu início a conversas juntos aos parlamentares para garantir a derrubada de veto do governador João Azevedo.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Legislativo
Comentários estão fechados.

Veja Também

Presidente do TSE alerta sobre cuidados sanitários na campanha e pede debate sem ódio e sem mentiras

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, alertou …