“Se o PSB não me quiser, não me resta outra alternativa. É pegar as malas e ir para outro partido”.

A fala é do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino (PSB), ao ser questionado hoje de manhã sobre a possibilidade de deixar o jardim girassol mediante a crise instaurada no partido.

Galdino, porém, acredita que ainda é cedo para discutir a possibilidade de deixar a legenda.

“Eu não tenho percebido que essa não é uma disposição do partido, de tirar um deputado ou um governador, vamos aguardar. Eu torço para que haja união, que a gente possa estarmos juntos, porque o PSB mudou a Paraíba”, disse.

 

 

Da redação com o Blog do Wallinson Bezerra

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Política
Comentários estão fechados.

Veja Também

Prefeitura de Monteiro realiza mutirão de testes para Covid-19

A Prefeitura de Monteiro promoveu no último sábado, através da Secretaria de Saúde por mei…