Após o Ministério Público Federal (MPF) recomendar que 27 prefeituras da Paraíba revisassem contratos com empresas fornecedoras de merenda escolar, ao menos sete delas cancelaram os contratos. A recomendação foi feita pelo MPF depois do resultado da investigação da Operação Famintos, que identificou casos de desvio de verbas.

A recomendação expedida pela procuradoria federal em Monteiro, no Cariri paraibano, teve como finalidade alertar as prefeituras com contratos firmados com quatro empresas investigadas por envolvimento na operação.

Já confirmaram os cancelamentos de contratos de merendas as prefeituras de São Domingos do Cariri, Gurjão, Monteiro, Camalaú, Serra Branca, Barra de São Miguel e São João do Cariri. A prefeitura de Santo André disse que está analisando. As outras prefeituras ainda não se pronunciaram.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

ÁUDIO: Genivaldo Tembório intermedia doação de terrenos e deve virar alvo de representação por uso da maquina pública para fins eleitorais

O candidato a prefeito pela coligação ‘O trabalho continua’, Genivaldo Tembório (Cidadania…