A deputada estadual Cida Ramos foi apontada como uma das culpadas pelo racha no PSB paraibano. A parlamentar alegou que as acusações não passam de bullying. O líder do governo na Assembleia Legislativa, Ricardo Barbosa, disse nessa terça-feira (10) que ela e Estela Bezerra teriam dado voz a dissolução do partido.

“A vida me ensinou que o bullying expõe a fraqueza de quem o pratica e não vou entrar nesse campo que é de lama”, disse.

Já sobre a decisão do governador João Azevêdo de se negar em compor a comissão provisória nomeada para comandar o PSB no estado, Cida Ramos preferiu não polemizar. “Existe muito calor e pouca luz, muita palavra e pouco pensamento”, falou.

Para a deputada, tanto Ricardo Coutinho quanto João foram beneficiados com a escolha do diretório nacional da legenda. “As duas grandes lideranças do partido estão contempladas ou não? quem não quer Ricardo e João construindo o PSB?”.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Política
Comentários estão fechados.

Veja Também

Estável, Bolsonaro queria ir a jogo do Palmeiras, mas leva ‘puxão de orelha’ de médico

O quadro de saúde do presidente Jair Bolsonaro (PSL) se mantém estável neste sábado (14), …