A Assembleia Legislativa da Paraíba realizou sessão itinerante, no município de Patos, no Sertão do Estado. As atividades começaram com a sessão ordinária, na qual foi aprovada, por unanimidade, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC 17/2019), que atualiza o texto da Constituição Estadual. Os deputados celebraram o fato de, pela primeira vez na história, a Casa ter aprovado mudanças na Constituição da Paraíba em votação no interior do estado.

A PEC, de autoria do deputado Ricardo Barbosa, atualiza e consolida o texto da Constituição para adequá-lo à modernidade da língua portuguesa, bem como corrigir alguns lapsos de técnica legislativa. As alterações foram feitas através de um estudo detalhado, realizado pela equipe técnica da Casa. Foi realizado um estudo sobre tudo o que aconteceu nos 30 anos da Constituição, aprovada pela ALPB em 1989. Foram atualizadas e consolidadas 43 emendas.

Também foi aprovado o projeto 364/2019, do presidente Adriano Galdino, que libera o consumidor do cumprimento da cláusula de fidelidade em contratos com empresas prestadoras de serviços de TV por assinatura e internet, caso de comprovação de perda de vínculo empregatício.

O deputado Nabor Wanderley teve aprovada a proposta 725/2019, que dispõe sobre a incumbência dos estabelecimentos de saúde da rede pública e privada da Paraíba em repassarem informações das pessoas diagnosticadas com doenças raras.

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Legislativo
Comentários estão fechados.

Veja Também

Wallber Virgolino promete investimentos focados na assistência básica e saúde preventiva

O candidato do Patriota à Prefeitura de João Pessoa, Wallber Virgolino, cumpriu agenda de …