O presidente da Republica, Jair Bolsonaro (PSL),  falou sobre a posição ruim do Brasil em ranking que mede desempenho dos estudantes de cerca de 80 países. Na oportunidade, o presidente criticou as universidades do Brasil dizendo os alunos fazem “tudo, menos estudar”.

Em discurso durante um evento no Tocantins, Bolsonaro declarou que entre as 200 melhores universidades do mundo não tem nenhuma brasileira, e pontuou essa situação como vexatória. “Entre as 200 melhores universidades do mundo, tem algum brasileira? Não tem! Isso é um vexame!” Disse.  E, segundo o presidente os estudantes das universidades e faculdades do Brasil, faz tudo, menos estudar. “O que que se faz em muitas universidades e faculdades do Brasil, o [que o] estudante faz? Faz tudo, menos estudar.” Finalizou.

Na edição mais recente do ranking THE, da revista “Times Higher Education”, a Universidade de São Paulo (USP) foi posicionada no bloco entre o 251º e o 300º lugar. Em edições anteriores, no entanto, esse mesmo levantamento já chegou a considerar a USP entre as 200 melhores do mundo, em 2012 e 2013.

Além disso, outros renomados rankings internacionais podem contradizer a fala de Bolsonaro. Publicado anualmente, o QS University Rankings inclui a USP entre as 200 melhores desde 2012. Na edição de 2020, publicada em junho, a instituição paulista ficou na 116ª colocação.

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

PSDB vai instaurar procedimento para expulsar prefeito da Paraíba flagrado com dinheiro na cueca

O PSDB nacional decidiu instaurar um procedimento ético-disciplinar contra o prefeito da c…