O Ministério Público da Paraíba (MPPB), através da Promotoria de Justiça de Ingá, abriu inquérito para apurar suspeitas de nepotismo da prefeitura do município.

De acordo com as denúncias, o prefeito do município, Manoel Batista Chaves Filho, o Manoel da Lenha, teria 16 parentes diretamente ligados lotados na gestão, sem contar parentes de segundo e terceiro grau.

Além da esposa Adjane Valeriano de Oliveira Chaves, e dos filhos, Lucas de Oliveira Chaves e Alexsandro Santos Vilas Boas, são nove sobrinhos dele, o sobrinho da esposa, a esposa do sobrinho, o esposo da sobrinha e a cunhada da esposa.

Os salários variam de R$ 2.750,00 a R$ 5 mil. O maior salário fica com Alexsandro, filho do prefeito Manoel da Lenha. Adjane, a esposa, e o outro filho, o Lucas, recebem R$ 3,5 mil, cada um.

Confira o despacho de instauração:

 

 

 

Da redação com Paraíba Já

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Justiça intima grupo de Genivaldo Tembório à retirar pesquisa fake das redes sociais

Na tarde da última quinta-feira (22), a Coligação Mudar Para Crescer que tem como candidat…