As deputadas Estela Bezerra (PSB), Cida Ramos (PSB), e a prefeita do Conde, Márcia Lucena (PSB) são integrantes da organização criminosa que agia nas organizações sociais da Paraíba. É o que aponta o extrato da decisão do Tribunal de Justiça, que expediu mandados de prisão e busca apreensão contra elas, o governador Ricardo Coutinho e mais de 40 pessoas.

Confira a atuação de cada uma delas:

Estela Bezerra – Conforme o documento, a deputada ‘é uma das principais articuladoras da organização criminosa’ e responsável pela estruturação das atividades das organizações sociais.

Ainda de acordo com o Tribunal, por meio de sua companheira, Cláudia Veras, Estela geriu a pasta da Saúde e foi uma das principais responsáveis pelos estratagemas ‘para dar legalidade às organizações sociais’.

Cida Ramos – Conforme aponta o relatório da Justiça, Cida ‘é uma das mais fiéis integrantes da empresa criminosa, escolhida para representar os interesses da organização criminosa’ nos poderes executivo e legislativo. Cida também seria ‘umbilicalmente’ ligada a Ney Robisson Suassuna.

Márcia Lucena – ‘Fiel integrante da empresa’, a prefeita do Conde seria responsável pela estruturação das fraudes na Educação e escolhida para representar os interesses da Organização Criminosa no poder executivo.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

Candidato a vereador de João Pessoa ‘Guga de Jaguaribe’ agride e ameaça morador do bairro de Jaguaribe

No último domingo (27), por volta das 16 horas, em estabelecimento comercial situado no Ba…