Esta quarta-feira foi, para 400 famílias, o dia de conhecer em definitivo o número do seu próprio apartamento. São as famílias beneficiadas com a casa própria no Residencial Saturnino de Brito, obra que será entregue em breve pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP).

No dia de hoje, foi realizado o sorteio para definir qual família ocupará cada uma das unidades, ato acompanhado de perto pelo prefeito Luciano Cartaxo Pires de Sá (PV-PB). “Essas são famílias que passaram momentos de muita dificuldade ao perder suas casas com a queda da barreira e que logo estarão em sua casa própria. Elas passarão a viver com conforto, segurança e muito mais dignidade. Nosso compromisso permanente é o de trabalhar por quem mais precisa”, afirmou o prefeito.

Das 400 famílias que habitarão o Residencial Saturnino de Brito, 350 ficaram desabrigadas devido ao deslizamento da barreira que margeia a comunidade. Outras 50 famílias se juntam a elas, vindas da Vila Nassau, onde viviam em situação de risco e insalubridade, às margens do rio. Elas estão inscritas no programa de aluguel social da PMJP até que estejam em sua própria moradia.

O sorteio aconteceu no ginásio esportivo da Escola Municipal Damásio Franca, em Cruz das Armas. “Este é o momento em que cada família conhece em qual bloco e apartamento vão morar e é uma das últimas etapas antes da entrega das chaves. É uma alegria enorme finalizar esse processo e saber que estas pessoas poderão ter uma vida melhor em suas casas”, explicou a secretaria Municipal da Habitação, Socorro Gadelha.

A obra – O Residencial Saturnino de Brito vai contar com 400 apartamentos divididos em 23 blocos. Cada unidade conta com dois quartos, sala, cozinha, banheiro, cerâmica e azulejos em todas as paredes molhadas.

O espaço também conta com infraestrutura planejada, com calçadas, pavimentação, esgotamento sanitário, áreas de lazer, convivência e prática esportiva. Pessoas com deficiência também vão contar com toda a acessibilidade. No total, 21 apartamentos são adaptados.

Dentro da obra estrutural ainda se destaca a construção do muro de contenção da barreira, além de drenagem e terraplanagem. No total foram investidos 58 milhões, com recursos federais e municipais.

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

Presidente do TSE alerta sobre cuidados sanitários na campanha e pede debate sem ódio e sem mentiras

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, alertou …