Na contramão do discurso de austeridade que prevaleceu no Congresso Nacional ao longo do primeiro semestre, principalmente durante a votação da reforma da Previdência, os deputados não priorizaram a economia de gastos em se tratando de viagens para fora do Brasil.

Os deputados gastaram R$ 6 milhões com viagens em missões oficiais em 2019.  Foram 490 viagens, com pagamento de passagens e diárias. Algo em torno de 12 missões oficiais… por semana.

Os destinos variaram de Las Vegas a Havana, passando por Abu Dhabi, Cartagena, Pequim e Roma. A Câmara considera que uma missão oficial tem “interesse público” e pode ser “imprescindível” para o mandato parlamentar.

Nas viagens nacionais, as diárias pagas são de R$ 524. Nas internacionais, o valor chega a R$ 1,7 mil.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Jair Bolsonaro destina crédito suplementar de R$ 15 milhões para obra de adequação da BR-230 na Paraíba

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por meio do Ministério da Infraestrutura, desti…