O prefeito de Barra de Santa Rosa, Jovino Pereira Nepomuceno Neto, decretou estado de emergência municipal por conta da estiagem. A decisão foi publicada nesta sexta-feira (3) no Diário Oficial dos Municípios do Estado da Paraíba.

Segundo o decreto, Barra de Santa Rosa vem sofrendo com a estiagem e está sob regime de racionamento de água. Conforme a Agência Estadual de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), a barragem de Poleiros, que abastece o município, tem apenas 315.7 mil metros cúbicos (m³) de armazenamento, o que equivale a 3,98% dos 7.933.700 m³ que pode armazenar.

Com o decreto, o Poder Executivo fica autorizado a abrir crédito extraordinário para enfrentar o problema e também terá dispensa de licitação. Com isso, Barra de Santa Rosa se junta a Pombal e outros 175 municípios do estado que têm a situação de emergência decreta por conta da seca.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

Nome de Rosalba Mota começa a ser cogitado para concorrer a uma vaga na Assembleia Legislativa nas eleições de 2022

O nome da prefeita de São José do Bonfim Rosalba Mota, começa a ser cogitado nos bastidore…