A Câmara dos Deputados bloqueou os gastos por meio da Cota Parlamentar do deputado Wilson Santiago (PTB), afastado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no âmbito da Operação Pés de Barro, que apura possível desvio de recursos em obras destinadas ao combate à seca no Sertão da Paraíba.

De acordo com a Casa, assim que foi notificada da determinação ministro Celso de Mello, que suspendeu o mandato do parlamentar, a Câmara prontamente cumpriu a decisão e registrou o afastamento do deputado, bem como determinou que nenhuma despesa do parlamentar fosse paga mediante utilização de recursos da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar.”

Santiago é apontado como integrante de uma organização criminosa, que ainda conta com a participação do prefeito de Uiraúna, João Bosco (PSDB), suspeita de receber cerca de R$ 1 milhão em propina mediante a liberação de verbas para um empresário executor de obras hídricas.

O plenário da Câmara deve decidir se mantém o afastamento do parlamentar na primeira sessão depois do recesso, em fevereiro.

Cota parlamentar em 2019

Santiago retornou à Câmara Federal em 2019, após ser eleito em 2018 pelo PTB da Paraíba como deputado federal. Durante o primeiro ano de legislatura, o parlamentar gastou R$ 439 mil da cota parlamentar.

Além da verba, Santiago recebeu R$ 33.763,00 de salário mensal, manteve 30 pessoas empregadas em seu gabinete e gastou cerca de R$ 47 mil com auxílio moradia.

Já em relação aos gastos com gabinete, Wilson ultrapassou R$ 1,1 milhão em gastos.

De acordo com a Câmara Federal, a verba de Gabinete custa R$ 111.675,59 por deputado a cada mês, destina-se a pagar os salários de até 25 secretários parlamentares que trabalham para o mandato, em Brasília ou nos estados.

A cota parlamentar é a soma de recursos usados para a aquisição de materiais, pagamentos de alimentação, viagens, combustíveis e outros.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Legislativo
Comentários estão fechados.

Veja Também

Justiça Eleitoral realizará sorteio do Horário Eleitoral gratuito

A Justiça Eleitoral da Paraíba realizará no próximo dia 02/10/2020, às 10h00, na Sala de S…