O desembargador Ricardo Vital, relator da Operação Calvário no Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), notificou, o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), as deputadas Cida Ramos (PSB) e Estela Bezerra (PSB), a prefeita do Conde, Márcia Lucena (PSB), além dos outros investigados denunciados pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB).

Eles são acusados de formarem uma organização criminosa e cometerem crimes de corrupção e lavagem de dinheiro em contratos firmados nas secretarias de Saúde e Educação durante a gestão de Coutinho.

De acordo com o despacho, que o Portal MaisPB teve acesso, o desembargador determinou que os colaboradores Livânia Farias, Leandro Azevêdo, Ivan Burity, Maria Laura Caldas e Daniel Gomes sejam notificados primeiro, e em seguida os demais investigados.

Os citados deverão apresentar as repostas sobre a acusação. Em seguida, o desembargador analisará se aceita ou não a denúncia. Caso ela seja aceita, os acusados se tornam réus e vão responder ao processo na justiça.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Judiciário
Comentários estão fechados.

Veja Também

Procuradoria da ALPB emitirá parecer favorável a impeachment de João Azevêdo

A Procuradoria-Geral da Assembleia Legislativa da Paraíba, deverá emitir nos próximos dias…