Qual a diferença entre marketing político e marketing eleitoral?

Marketing político e Marketing eleitoral não são a mesma coisa.

Para esclarecer a diferença, vamos conceituar os dois métodos.

O marketing político, é um conjunto de estratégias com o objetivo de divulgar as ações e projetos de um candidato durante todo o seu mandato político – não apenas na eleição.

Ou seja, ele serve para adequar o representante político ao eleitorado que o elegeu, com foco no médio e longo prazo.

Já o marketing eleitoral, como o nome sugere, se resume a um conjunto de estratégias utilizadas durante o período de campanha para o pleito.

Assim, divulga as propostas e projetos do candidato a fim de captar a maior quantidade de votos possível e, por fim, vencer a eleição.

Ou seja, são ações de curto prazo e com objetivos muito bem definidos.

Em outras palavras, o marketing político é muito mais focado no branding, na construção e consolidação da imagem de um candidato ou partido.

Enquanto, o marketing eleitoral é mais focado na conversão, isso é, receber votos a favor na eleição.

Mas isso não significa que devam ser tratados como estratégias separadas.

Afinal, quando utilizados em conjunto, podem garantir uma campanha eleitoral bem-sucedida e um mandato aprovado pela população.

 

Felipe Miranda Comunicação e Marketing Político

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

Justiça Eleitoral realizará sorteio do Horário Eleitoral gratuito

A Justiça Eleitoral da Paraíba realizará no próximo dia 02/10/2020, às 10h00, na Sala de S…