A Energisa Paraíba prevê um investimento de R$ 213 milhões este ano na área de concessão da distribuidora na Paraíba. Em 2019, a empresa investiu no estado R$ 202 milhões. Atualmente, a Energisa atende a aproximadamente 1,6 milhão de clientes, em 223 municípios da Paraíba e emprega cerca de 2,2 mil pessoas.

Entre as áreas e iniciativas beneficiadas nas concessionárias estão o programa de universalização de energia elétrica, o atendimento de novas cargas e expansão das redes, a manutenção e a substituição de ativos, aperfeiçoamento de processos internos e capacitação das equipes.

A prioridade da empresa é oferecer um serviço cada vez melhor aos clientes, garantindo uma oferta de energia permanente e segura e levando bem-estar, conforto e segurança à população. Desta forma, a empresa se mantém como vetor essencial para o desenvolvimento econômico e social da região. “Além de buscar cada vez mais levar energia de qualidade e de forma constante aos quatro cantos da Paraíba, nós buscamos levar conforto e qualidade de vida aos paraibanos e contribuir com o desenvolvimento socioeconômico do Estado”, ressalta Ricardo Charbel, diretor-presidente da Energisa na Paraíba.

Em 2020, a Energisa realizará diversas obras por toda Paraíba que irão melhorar e ampliar o fornecimento de energia no estado, como a construção da Subestação Altiplano, em João Pessoa, um investimento de R$ 8,6 milhões que beneficiará mais de 40 mil clientes; construção da linha de transmissão de alta tensão entre os municípios de Coremas e Sousa, no Sertão do Estado, com R$ 16,3 milhões investidos e beneficiará mais de 140 mil clientes. Além de diversos projetos de modernização de subestações e expansões de linhas em toda Paraíba, a Energisa inaugurará ainda este ano a nova sede da Distribuidora em Sousa, com R$ 2,6 milhões investidos, beneficiando clientes e gerando empregos diretos e indiretos.

Entre as obras realizadas em 2019, vale destacar a construção da subestação Bayeux, onde foram investidos R$ 10,5 milhões, beneficiando cerca de 50 mil clientes e a ampliação das subestações de 69/13,8 kV Cruz do Peixe, Jericó, Coremas e Aroeiras, com mais de R$ 5,2 milhões investidos, beneficiando cerca de 65 mil clientes da região.

Com relação aos indicadores de qualidade do fornecimento, o DEC (Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora) foi de 13,69 horas do total de horas do ano, número menor que de 2018, que foi de 13,77- e o FEC (Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora) foi de 5,3 vezes, o que representa uma melhora de 5,7% do ano anterior.

O combate ao furto de energia continua sendo uma das prioridades no estado. Este ano, a empresa aplicará R$ 12,9 milhões nessa frente. “O famoso ‘gato’, além de crime, gera prejuízos a toda a sociedade. Os furtos oneram a população e prejudicam o fornecimento, a arrecadação de impostos e a receita da empresa, comprometendo os investimentos na melhoria dos serviços”, afirma Felipe Costa, gerente de combate às perdas de energia, destacando os meios utilizados nessa missão. “Empregamos tecnologia de ponta e ações coordenadas no combate ao furto”, conclui.

Reconhecimentos/prêmios em 2019:

Prêmio Abradee 2019 –Melhor Gestão Operacional
Prêmio Abradee 2019 – Melhor Gestão Econômica Financeira
Selo GPTW – Melhores Empresas para se Trabalhar na Paraíba

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Economia
Comentários estão fechados.

Veja Também

VEJA A NOTA: Sócio do Política Parahyba rebate matéria do Portal Cariri Paraibano

Sócio do Portal Política Parahyba, Gabriel Moura, foi citado em uma matéria do Portal Cari…