Em entrevista concedida aos comunicadores Wéverton Correia e Gabriel Moura, no Programa Gabinete Paraíba, da Rádio Cruz das Armas FM, nesta quarta-feira (18), o Presidente Estadual do PSOL, Tárcio Teixeira teceu críticas à gestão do Prefeito Luciano Cartaxo (PV) à frente da capital paraibana.

Tárcio, que também é assistente social do Ministério Público da Paraíba, disse que costuma chamar o prefeito da capital de “Prefake”, pois sua gestão tem muita propaganda e quase nada de concreto em benefício da população pessoense.

Segundo o dirigente Psolista, a gestão de Luciano é “uma verdadeira fake news. Nada sendo feito de concreto para a população. A dificuldade que hoje Cartaxo enfrenta com seus apoiadores, dentro do partido e com a derrota de seu irmão, é resultado de uma gestão que não atendeu às demandas da população da capital”, observou.

Indagado se sairia como candidato a prefeito nas eleições deste ano, Tárcio descartou a possibilidade e disse que já se prepara para a sua candidatura à Câmara Municipal de João Pessoa. Ele ainda apontou o nome do auditor fiscal e ex-candidato a Prefeito de João Pessoa, em 2016, Vitor Hugo, como provável nome da legenda para o cargo de chefe do executivo municipal. “É alguém que conhece a cidade”, pontuou.

Tárcio ainda salientou que o PSOL vem formando um grupo forte, para as eleições deste ano, com candidatos e candidatas de qualidade e que já contabilizam aproximadamente 32 nomes, como pré-candidatos ao Parlamento Municipal da Casa de Napoleão Laureano. O partido ainda está trabalhando candidaturas em outros municípios a exemplo de Itaporanga, Caaporã, Alhandra, Campina Grande e Santa Rita.

Por fim, ao incentivar a população a participar da política, o Presidente do PSOL – PB, ainda fez um convite aos ouvintes: “Queremos deixar o partido aberto para os companheiros e as companheiras que desejem vir para o PSOL e para serem candidatos pelo PSOL. Já temos quase 32 nomes e queremos chegar aos 42. Então, fica o convite aberto.”, declarou.

E ainda disse: “É preciso focar no que a gente acredita. Defender o direito à população, à democracia, defesa do patrimônio público e lutar por justiça no campo das políticas públicas. É essa a linha que a gente defende. É esse o processo de construção que a gente faz”, finalizou.

Fonte: Wéverton Correia

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Política
Comentários estão fechados.

Veja Também

Nome de Rosalba Mota começa a ser cogitado para concorrer a uma vaga na Assembleia Legislativa nas eleições de 2022

O nome da prefeita de São José do Bonfim Rosalba Mota, começa a ser cogitado nos bastidore…