A ex-primeira-dama do Estado de São Paulo Florinda Gomes Covas, que ficou conhecida como Lila Covas, morreu neste domingo, 22, aos 87 anos. A morte foi informada pelo seu filho, Mario Covas Neto, vereador de São Paulo e filho do ex-governador Mario Covas, com quem Lila foi casada. Lila é avó do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), que cancelou sua agenda neste domingo.

Ela foi presidente do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo entre 1995 e 2001, quando Mario Covas foi governador. Segundo seu filho, não haverá cerimônia fúnebre em razão das medidas de isolamento social adotadas no Estado em decorrência da pandemia do coronavírus.  A causa da morte não foi informada.

“É com profundo pesar e tristeza que comunicamos o falecimento de nossa mãe, Lila Covas. Não haverá cerimônia fúnebre, em respeito ao atual momento. Assim que possível, faremos as merecidas homenagens. Pedimos a todos um pensamento elevado em sua memória”, afirma Mario Covas Neto, em post que assina ao lado da irmã Renata, mãe de Bruno Covas.

 

O diretório estadual do PSDB emitiu nota de pesar. “É com o mais profundo pesar que o Diretório Estadual do PSDB-SP comunica o falecimento de dona Lila Covas. Viúva do saudoso governador Mario Covas e avó do prefeito da capital, Bruno Covas, a história de dona Lila se confunde com a da política brasileira e a do próprio PSDB. Enquanto presidente do Fundo Social de Solidariedade, representou uma mudança no paradigma das ações sociais, implementando programas em parceria com a sociedade civil e instituindo campanhas que priorizaram o desenvolvimento social. Em nome dos tucanos de São Paulo, nos solidarizamos à família Covas neste momento de profunda dor, convictos de que seu exemplo de vida”.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Vice-Procurador dá parecer favorável à ação de cancelamento de registro do PT

Brill de Goés entendeu que o PT recebeu “recursos oriundos de pessoas jurídicas estrangeir…