No enfrentamento da pandemia da Covid-19, os profissionais de saúde de João Pessoa terão acesso a 50 vagas em hotel para poder retornar a um lugar seguro sem oferecer risco aos familiares. A medida foi anunciada nesta sexta-feira (27), depois de uma reunião do prefeito da capital paraibana, Luciano Cartaxo, com representantes da Fecomércio-PB, Sesc/Senac. Os trabalhadores na linha de frente no combate ao novo Coronavírus terão acesso ao quarto e ao café da manhã no Centro de Turismo e Lazer Sesc Cabo Branco.

A equipe de hotelaria receberá todas as instruções de médicos e especialistas em medidas de prevenção ao novo Coronavírus. Serão adotadas todas as medidas de higienização e segurança sanitária dentro do equipamento. Inicialmente, serão recebidos profissionais de saúde do Hospital Santa Isabel, referência na rede hospitalar municipal no enfrentamento da Covid-19. “Médicos e enfermeiros que tenham idosos, gestantes ou crianças em casa terão acesso a um espaço com todo conforto e qualidade para poder descansar e retornar às suas atividades sempre que for necessário”, explicou o prefeito Luciano Cartaxo.

O gestor informou que esta é uma condição necessária, que ajuda a reduzir riscos e dá mais segurança a quem vai estar na linha de frente no combate ao vírus. “Por mais que esses profissionais sejam cuidadosos, e detenham vasto conhecimento sobre a doença, estamos agindo no sentido de ajudar aqueles que precisam se afastar dos familiares para que não haja qualquer risco de transmissão da doença”, disse Cartaxo.

O presidente da Fecomércio-PB, Marconi Medeiros, informou que a federação é mais uma parceira da cidade de João Pessoa no combate ao vírus. “O trabalho conjunto será fundamental para que a cidade alcance os melhores resultados. Estamos juntos no ideal de salvar de vidas e de contribuir de forma decisiva no bem-estar dos profissionais de saúde”, afirmou.

Monitoramento – A ação inédita no estado é resultado do trabalho da Secretaria Municipal de Turismo, que buscou possíveis parceiros institucionais ainda no início da pandemia, sobretudo com o segmento de hospedagem, o que originou nesta parceria.

“Estamos monitorando possíveis espaços para o recebimento de outros profissionais de saúde neste momento de extrema relevância para a Capital. Daremos sequência à ação, discutindo as possibilidades de ampliação no número de vagas sempre que houver necessidade”, explicou o secretário-adjunto de Turismo da Capital, Graco Parente.

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

Candidatos a vereador rompem com Micheila Henrique e anunciam apoio a Anna Lorena, em Monteiro

A candidatura à reeleição da prefeita Anna Lorena (PL) não para de receber adesões. Neste …