O líder da bancada paraibana na Câmara dos Deputados Efraim Filho (DEM-PB) está preocupado com a situação das contas dos Estados e Municípios, pois é muito provável que haverá queda na arrecadação por causa da postergação do pagamento de impostos em meio à pandemia do coronavírus.

Para que este recuo não afete a oferta de serviços essenciais para a população, saúde e educação entre eles – em parceria com outros líderes, Efraim Filho apresentou Projeto de Lei (ainda sem número no sistema da Câmara) para garantir a previsibilidade para Municípios e Estados ao estipular que a União deve garantir o piso de Fundo de Participação dos Estados (FPE) e Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e complementar os valores até o nível do mesmo mês no exercício anterior, mesmo que haja queda nas receitas.

“Não podemos deixar os municípios sobreviverem com menos recursos que no ano passado. Precisamos evitar a paralisação de serviços públicos essenciais prestados na ponta aos cidadãos brasileiros, especialmente das cidades que encontram no FPM fonte principal de suas receitas”, afirma Efraim Filho.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Legislativo
Comentários estão fechados.

Veja Também

Justiça intima grupo de Genivaldo Tembório à retirar pesquisa fake das redes sociais

Na tarde da última quinta-feira (22), a Coligação Mudar Para Crescer que tem como candidat…