Alexandre Kalil, o prefeito de Belo Horizonte, anunciou em entrevista coletiva nesta terça (14) que a partir da próxima sexta o uso de máscaras será obrigatório para circular pelas ruas da capital mineira.

Segundo Kalil, a decisão foi tomada para seguir os exemplos de cidades da Região Metropolitana de BH que já tornaram obrigatório o uso da máscara.

A prefeitura afirmou ainda que gastará R$ 1,5 milhão em máscaras para distribuir à população, e o secretário municipal de Saúde de BH, Jackson Machado Pinto, disse que elas devem chegar em duas semanas.

O prefeito também prometeu manter as medidas de isolamento social, como o fechamento do comércio e de lugares públicos: “Belo Horizonte optou pela ciência”.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

Felisardo Moura registra candidatura no TSE pelo Democratas para disputar Prefeitura da Prata

O Democratas (DEM) registrou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a candidatura do poeta …