O líder do Podemos no Senado, Álvaro Dias, disse em entrevista ao Jornal da Manhã neste sábado (25) que uma parcela do Congresso Nacional já está comemorando a saída de Sergio Moro do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Moro anunciou sua demissão nesta sexta (24), em coletiva de imprensa.

“Certamente uma parcela sim. O Congresso é divido em duas partes: entre aqueles que entendem como prioridade nacional o combate à corrupção, tentando promover avanços e defender agentes públicos que investigam, e aqueles que aprovam, por exemplo, uma lei de abuso de autoridade, que tem por objetivo limitar a ação de quem investiga. Temos essas duas frentes. A frente espúria, podre, certamente comemora. Moro nunca teve unanimidade no Congresso. O apoio dele é maior entre a população”, declarou.

O senador afirmou ainda que a demissão do ex-ministro – mais especificamente, as razões da demissão – mostram que o presidente da República, Jair Bolsonaro, “escolheu seu lado”.

“Demissão de ministro é um fato rotineiro em governos, ministros são demitidos e pedem demissão. Mais grave que isso são as razões que o levaram a pedir demissão. As denúncias que fez. Crime de falsidade ideológica e fundamentos para hipótese de crime de responsabilidade (…) O governo perde credibilidade. Moro ajudava a manter níveis de popularidade elevados. Com o afastamento, há um desgaste enorme. Parece que o presidente fez sua opção. Escolheu seu lado. O Centrão. O lado mais contestado da política brasileira. Velha prática, velhos hábitos. É uma abertura de portas para a corrupção. Assim surgiu o Mensalão e o Petrolão.”

Álvaro Dias acredita ainda que as investigações das denúncias feitas por Moro poderiam levar a um processo de impeachment do presidente, mas isso causaria um “desgaste enorme” ao País.

“Se a investigação confirmar as denúncias, estamos diante de crime de responsabilidade – que eventualmente poderia levar ao impeachment. Coisa que ninguém deseja. O Brasil não suporta mais traumas dessa natureza. O governo perde muito, o País também.”

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Gabriel Moura
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Prefeito agradece apoio de Dr Romualdo “Vamos trabalhar juntos por Sumé e Congo”

Através das redes sociais, o prefeito de Sumé e candidato a reeleição Éden Duarte, agradec…