O prefeito Romero Rodrigues inaugurou, o Hospital de Campanha Municipal de Campina Grande. A nova unidade de saúde dispõe de 42 leitos, dos quais 2o de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Para evitar aglomerações, a solenidade não contou com presença de público. Apenas profissionais de Imprensa tiveram acesso à área externa do Hospital Pedro I, onde foi construída a unidade. O evento de inauguração, foi transmitido pelas redes sociais da Prefeitura de Campina Grande e do prefeito Romero Rodrigues (@pmcgoficial e @romerorodriguespb).

De acordo com Romero Rodrigues, a unidade inicialmente seria destinada aos pacientes que fazem tratamento de hemodiálise mas, diante da pandemia do coronavírus, o novo Hospital passa a ter o foco nos pacientes infectados com a Covid-19. O hospital foi construído no bairro do São José com recursos próprios do município.

O diretor-presidente da Oesp Engenharia, Marconi Berkokebas, destacou a complexidade da obra, por conta da readaptação do projeto, mas lembrou que o prazo de entrega será cumprido e que toda a obra foi tocada por engenheiros de Campina Grande.

“É sempre desafiador readaptar um projeto. Nós estávamos com tudo pronto para construção do centro de hemodiálise e tivemos que fazer algumas readaptações projetuais para transformar em um hospital de campanha. Contudo, destaco a entrega e a capacidade da nossa equipe de engenheiros, todos de Campina Grande, dos nossos funcionários que deram o máximo de si para que a obra estivesse pronta no tempo certo. Essa obra, sem dúvidas, será de grande importância para Campina” destacou Marconi Berkokebas.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

Ruy Carneiro garante 8 mil vagas em cursos de formação profissional para jovens

A juventude precisa de acesso a oportunidades e formação profissional, para desenvolver su…