A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou, requerimentos apresentados pela deputada estadual Camila Toscano (PSDB) em solicita ao secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, que providencie insumos necessários para proteção dos profissionais de saúde de 13 municípios. A parlamentar destaca que materiais como aventais impermeáveis (capotes), máscaras (n95 /pff2), luvas de procedimento, capacete/viseira, óculos de segurança, toucas e álcool em gel 70% são essenciais no combate a Covid-19, mas não estão chegando a todas as localidades.

Os requerimentos aprovados são solicitações voltadas aos municípios de Mari, Pedro Régis, Pilões, Pilõezinhos, Pirpirituba, Serra da Raiz, Jacaraú, Juarez Távora, Duas Estradas, Cuitegi, Alagoinha, Araçagi e Belém. Cmamila também fez solicitações para outros municípios, mas as matérias não entraram na pauta de votação desta quinta-feira.

Entre os requerimentos aprovados também estava o 8.947/2020 em que a deputada pede ao secretário de Saúde que seja elaborado um protocolo de integração de dados entre as regionais de saúde com os respectivos municípios, e entre as regionais de saúde e a Secretaria, no intuito de haver um compartilhamento efetivo das informações sobre as medidas e ações a serem adotadas em cada cidade. Assim como para que a pasta efetue o suporte necessário, no que tange ao fornecimento de material para que os pacientes sejam devidamente atendidos desde os primeiros sintomas da covid19 e o mais próximo possível de suas residências.

Ainda foi aprovado pelos parlamentares o Requerimento 8.948/2020 em que a deputada requer ao secretário de Saúde que adote as providências necessárias para a criação de um canal de informação entre os profissionais de saúde e os familiares de pacientes que dão entrada nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAS) com sintomas de Covid-19, tendo em vista a proibição da presença de acompanhantes, nos casos suspeitos, dentro das unidades de saúde.

Apoio – Entre as matérias aprovadas estava ainda a 8.949/2020 que requer do governador do Estado a realização de políticas públicas para apoiar os condutores escolares, que não possuam registros pela CLT, durante a pandemia do covid-19. E ainda o 8.950/2020 que pede a instalação de pias móveis em pontos estratégicos das áreas públicas da região metropolitana, como plataformas de ônibus, praças, arredores de mercados públicos e estações ferroviários.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Legislativo
Comentários estão fechados.

Veja Também

Deputado Frei Anastácio repudia intervenção na Convenção do PT “Ricardo Coutinho está querendo se apoderar do PT”

O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) disse que repudia com revolta, a intervenção fei…