O governador da Paraíba, João Azevêdo afirmou que a antecipação do pagamento da primeira parcela do 13º salário aos servidores estaduais vai depender da ajuda do Governo Federal. “ O presidente fez alguns vetos ao projeto que prejudica em muito os Estados e estamos esperando a decisão do Congresso Nacional sobre o assunto”, explicou.

O governador destacou ainda que essa ajuda precisa chegar o quanto antes, “ pois o Estado já teve uma perca de R$ 160 milhões em suas receitas, mas o nosso objetivo e mantermos o calendário de pagamento dos servidores em dia”, completou.

Polo Pesqueiro -Ainda durante a entrevista concedida ao Programa Rede Verdade do Sistema Arapuan de Comunicação, João Azevêdo falou da decisão do Governo Federal em privatizar o polo pesqueiro do porto de Cabedelo. “É uma obra federal que estava parada há cerca de cinco anos, portanto não vejo nenhum problema nisso”, comentou.

Consignados – Sobre o projeto que prevê a suspensão dos descontos dos empréstimos consignados nos contracheques dos servidores estaduais, o governador disse que a questão é jurídica e está espetando o relatório da comissão para tomar uma decisão final.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

Jair Bolsonaro destina crédito suplementar de R$ 15 milhões para obra de adequação da BR-230 na Paraíba

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por meio do Ministério da Infraestrutura, desti…