WhatsApp Image 2020 07 03 at 22.40.35 - Prefeito de Uiraúna que foi flagrado colocando propina na cueca é posto em liberdadeO prefeito de Uiraúna (PB), João Bosco Nonato Fernandes (PSDB), foi posto em liberdade nesta sexta-feira pelo Supremo Tribunal Federal (STF).  Ele havia sido preso em janeiro após ser flagrado pela Polícia Federal (PF) recebendo propina de R$ 25 mil,  o dinheiro seria enviado por um deputado federal paraibano.

O vídeo e o áudio do encontro foram anexados à representação policial que culminou na Operação Pés de Barro.

A ‘Pés de Barro’ apura suposto desvio de recursos da construção da Adutora Capivara, no sertão paraibano.

Segundo as investigações, entre outubro de 2018 e novembro de 2019, a empresa Coenco Construções, responsável pela obra, pagou R$ 1,2 milhão em propinas a Wilson Santiago e R$ 633 mil ao prefeito.

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Judiciário
Comentários estão fechados.

Veja Também

Governador sanciona Lei da deputada Camila Toscano que cria o Memorial Covid-19 para homenagear vítimas e profissionais de saúde

O governador João Azevêdo sancionou a Lei 11.761/2020, de autoria da deputada estadual Cam…