Complexo Solar de Coremas foi erguido com investimento brasileiro e dinamarquês — Foto: Nordic Power Partners/DivulgaçãoO presidente Jair Bolsonaro (sem partido) chegou à Paraíba na manhã desta quinta-feira (17) para a inauguração do complexo de produção de energia solar que foi erguido no município de Coremas, Sertão da Paraíba. Esta é a segunda visita do presidente ao estado desde que foi eleito, sendo a primeira em novembro de 2019.

Bolsonaro desembarcou no aeroporto de Juazeiro do Norte, no Ceará, para visitar a Paraíba e chegou em Coremas de helicóptero por volta das 9h30 e segue para a zona rural da cidade, onde fica o complexo. Segundo a agenda oficial, ele deve embarcar de volta para Brasília no início da tarde.

Batizada de Complexo Solar de Coremas, a obra é de iniciativa do setor privado, numa parceria da empresa dinamarquesa Nordic Power Partners e da desenvolvedora brasileira Rio Alto Energia, mas tem apoio do Ministério de Minas e Energia e financiamento do Banco do Nordeste, do Governo Federal.

O investimento total do projeto foi de R$ 482 milhões, contando com R$ 287 milhões do Banco do Nordeste e R$ 195 milhões da empresa dinamarquesa.

Com a obra, a expectativa das empresas é produzir energia elétrica equivalente ao consumo de 55 mil pessoas, o que deve contribuir para a redução de 450 mil toneladas de emissões de gases de efeito estufa.

Durante o pico da construção, segundo a Nordic Power Partners, as obras empregaram mais de 500 pessoas, a maioria da própria região.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Ricardo Coutinho propõe criar linha de crédito para que entregadores de aplicativo possam financiar a aquisição de novas motos, veículos e bicicletas

O candidato do PSB à Prefeitura de João Pessoa, Ricardo Vieira Coutinho, anunciou que pret…