A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), através da Comissão de Orçamento, Fiscalização, Tributação e Transparência, vai realizar, nesta quinta-feira (19), às 10h, uma Audiência Pública para discutir o projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA) 2021 do Governo do Estado. O debate, que vai acontecer através de videoconferência – devido à pandemia do novo coronavírus – será uma oportunidade para os deputados, gestores e entidades, além da sociedade em geral, conhecer e sugerir emendas para o projeto de lei 2.211/2020.

O debate terá como expositor o secretário de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão, Gilmar Martins de Carvalho, que vai apresentar as ações de programas do governo que estão consignadas na lei orçamentária, que estima a receita e fixa a despesa do Estado para o exercício financeiro do próximo ano. Após a realização da audiência pública, os deputados terão o prazo para a apresentação de emendas à LOA até o dia 23 deste mês.

O parecer final da peça orçamentária deve ser apreciado entre os dias 24 de novembro a 12 de dezembro. Aprovado, deverá ser publicado até o dia 13 de dezembro. A partir do dia 14 de dezembro, a proposta já poderá ser incluída na Ordem do Dia para ser votada em plenário por todos os deputados. A LOA prevê o investimento de R$ 13.317.790.731,00 (treze bilhões, trezentos e dezessete milhões, setecentos e noventa mil e setecentos e trinta e um reais) incluindo todas as receitas.

Foram convidadas para a audiência representantes do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), Ministério Público Estadual, Defensoria Pública do Estado, Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB), UEPB, além de vários sindicatos, entidades de representações de classe e representantes da sociedade civil em geral.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Hagnon Halberto Carvalho da Silva
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Jair Bolsonaro destina crédito suplementar de R$ 15 milhões para obra de adequação da BR-230 na Paraíba

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por meio do Ministério da Infraestrutura, desti…